Home Onze Trinta Produtora de videos.png

Recent Posts

Para receber nossos posts, cadastre-se.

Encontre pelo tema

Como as Gerações Z e Y Reagem ao Conteúdo em Vídeo?

Entender os hábitos de interação de diferentes gerações com o conteúdo em vídeo é fundamental para traçar estratégias de sucesso.

Todas as gerações consomem conteúdo em vídeo, não importa o motivo. Para obter informações, nas redes sociais ou qualquer outra razão, o importante é que quem produz o conteúdo audiovisual saiba se adaptar aos diferentes tipos de público. De acordo com o ambiente em que vivem e onde cresceram, as reações de cada pessoa podem ser diferentes.


O que são as Gerações Z e Y?

Enquanto pessoas da Geração X cresceram em um mundo com pouca (ou até sem) tecnologia e precisaram - e ainda precisam - encarar as grandes mudanças e crises, as próximas gerações já encaram o mundo de outra maneira. Os membros da Geração Y presenciaram os grandes avanços tecnológicos, e cresceram com videogames, canais a cabo nas televisões, acesso à internet, computadores, e muito mais. São pessoas que cresceram com as coisas que seus pais não tiveram, fazendo múltiplas atividades e tarefas, e que hoje conseguem tocar vários projetos de uma vez só, mas tendem a sofrer burnouts justamente por esse motivo. Já os pertencentes à Geração Z cresceram na expansão exponencial da internet, globalização e dos aparelhos tecnológicos. Essa geração nunca viu um mundo que não fosse conectado, e não tem as fronteiras geográficas como impedimentos. No entanto, como estão constantemente conectados virtualmente, muitos não possuem intimidade com a comunicação verbal, mas se mantêm adaptáveis a qualquer mudança.


Hábitos e interações

Cada uma das gerações consome mais vídeos que suas antecessoras e, como esperado, a Geração Z é a atual recordista no quesito, usando as redes sociais para se comunicar, produzir a assistir vídeos e ainda perpetuar conteúdos noticiosos. Não é à toa, por exemplo, que o TikTok seja a grande rede desse grupo, que utiliza seus smartphones para criar e acessar esses conteúdos. Já para a Geração Y, os serviços de streaming são as plataformas que recebem mais acesso e, no caso de vídeos mobile, os tutoriais são os queridinhos. O ponto em comum para as duas gerações é que ambas recebem notícias online, então serviços e plataformas que permitem a publicação de vídeos curtos são os mais acessados.


Estratégias

Os pertencentes à Geração Y são mais velhos, normalmente possuem maior estabilidade financeira, o que significa maior capacidade de investimento. Por isso, são um público mais interessante. Eles possuem intimidade com o ambiente digital, e tendem a investir seu dinheiro em produtos e serviços significativos, através de muita pesquisa, o que também ajuda a prever o interesse das gerações seguintes. Por outro lado, os membros da Geração Z são mais adaptáveis, e percebem as mudanças com mais facilidade. Portanto, os mais novos tendem a consumir mais conteúdo em vídeo em plataformas inovadoras, enquanto os mais velhos preferem as plataformas tradicionais e as redes sociais já consolidadas, e preferem conteúdos que transmitem autoridade e com informações verificadas, pois são mais desconfiados e criteriosos.


É possível atingir as duas gerações com um único vídeo? Sim. Mas o ideal é adaptar o conteúdo não só para as plataformas mais acessadas por cada faixa etária, como também entender sua linguagem e comportamento nas redes. Para isso, é necessária a ajuda de profissionais qualificados, que entendem essas diferenças e conseguem criar conteúdos que possuem apelo ao público-alvo.


E aqui na Onze Trinta produzimos conteúdos que mudam a forma de percepção de um produto ou serviço, e que conquistam a audiência. Converse conosco e saiba mais.